Já parou para pensar o que é necessário para se tornar um super campeão?

Sim, é fácil olhar para nadadores como o Phelps ou Thorpe e pensar: “Eles tem talento e trabalham duro!”. Mas quanto do sucesso deles se deve ao talento? E ao treinamento? E ao ambiente que ele está inserido?

Particularmente eu sempre fui bastante curioso com relação a isso. O que difere esses atletas dos outros? Por que eles são melhores? Quais são os seus segredos? Bom, como eu não tenho a menor capacidade de fazer uma pesquisa desse nível, achei prudente ir atrás de informação de quem entende do negócio.

Encontrei uma pesquisa muito interessante, desenvolvida pela NCBI (National Center for Biotechnology Information – Centro Nacional de Informação Biotecnológica) no começo de 2016 e uma análise feita pelo site Yourswimlog. Na pesquisa foram entrevistados mais de 50 atletas de diferentes níveis e de diferentes esportes e teve como objetivo inicial entender se os grandes campeões necessariamente precisavam ter sofrido algum trauma e a superação do mesmo os levaram a supremacia. Os pesquisadores concluíram que não, não é necessário um trauma.

Mas então, o que é necessário?

Eles encontraram similaridades e consistências entre os comportamento dos “super campeões” e diferenças consideráveis em relação aos “campeões” e de atletas “quase campeões”, que participaram da pesquisa.

Foram identificados  creative writing in english grade 3 essay length texas am here le droit du prisonnier douleur dentaire free paper who can do my homework how to write a cover letter for marketing manager cialis 20 mg djelovanje top application letter writer website for phd how do i setup email on my iphone 7 go to site free trial of viagra go site does viagra affect blood pressure cover letter template medical jobs go http://mcorchestra.org/1837-writing-scientific-papers/ help me write a thesis thesis builder for critical essay popular custom essay writing sites for phd follow site credible india pharmacy the writers market pay for viagra with paypal roman primary homework help best proofreading sites au effects of viagra on men without erectile dysfunction enter site writing an macroeconomics help experts can i track my stolen ipad with serial number 5 fatores de sucesso para se tornar um super campeão:

#1. Desejo feroz de superar desafios.

Eles são pro-ativos em querer treinar em alto nível. Enxergam os desafios como oportunidades de aprendizado, de melhoria. Eles querem sempre aprender com todas as suas experiências, tanto as boas, quanto as ruins. Buscam soluções para todo e qualquer desafio que lhes é colocado na frente e têm a confiança de que ninguém pode treinar mais do que eles.

#2. Estabelecem constantemente novas metas e desafios

Enquanto para muitos atletas alcançar o objetivo do final da temporada é o fim do processo, para os grandes é apenas o momento de sentar (felizes, é claro) e redefinir qual será a nova meta. São ambiciosos em sempre querer mais.

Os super campeões não se contentam com o que já conquistaram até o momento. Eles estão continuamente em busca de novos desafios, novas metas e nunca se permitem ficarem completamente contentes.

Eles enxergam cada vitória apenas como um degrau em direção ao próximo nível.

#3. As derrotas os levam a se desenvolverem ainda mais

Todos nós teremos que enfrentar derrotas, falhas, decepções no esporte e na vida. Mas como alguns atletas lidam com essas situações que os tornam quem realmente são. Os grandes usam esses fatores como combustível, como motivação para continuarem e evoluírem. Eles não se abalam, eles se motivam.

Pode ser uma grave lesão, ou um corte na equipe. Dar a volta por cima, treinando mais, sendo mais disciplinados, sendo mais sedentos por aprenderem e melhorarem, os ajudaram a se tornar os melhores.

#4. Atletas de alta performance tem motivação intrínseca. 

De forma mais simples, a motivação dos super atletas vem de dentro deles. Eles constantemente analisam seus treinos e suas competições, buscando entender e refletir sobre que precisam melhorar. Anotam, colocam metas e continuam sua incessante busca pela perfeição. Eles querem ser os melhores por eles mesmos ou por algum ideal que acreditam.

Já os “quase campeões”, tendem a se motivar olhando para o que os outros atletas estão fazendo. Monitoram a performance dos outros incessantemente e permitem que seu humor seja afetado pelo desempenho deles A motivação dos “quase” acontecem de acordo com influencias externas, ao invés de coisas que eles realmente possam controlar.

#5. Seus pais e técnicos não pressionavam demais

Isso não significa que os grandes atletas tinham pais que não estava nem aí para eles, ou não ajudavam em nada. Muito pelo contrário, eles faziam o papel de pais, mas deixavam a parte do esporte para os filhos.

Como resultado, o atleta tinha o esporte como seu, e total autonomia sobre seus treinos e performances. Eles próprios encontravam sua própria motivação para se engajarem no esporte.

Parentes que tinham uma abordagem mais suave, de acompanhar de longe, apareciam com mais constância entre os super campeões. Enquanto pais que apoiavam demais, se interessavam demais, que cobravam demais, não tornaram seus filhos super campeões.

Da mesma forma, os técnicos dos super atletas também foram relatados como sendo mais relaxados, focados no longo prazo, mesmo quando o atleta tinha metas de curto prazo. Eles sabiam gerenciar a ansiedade de seus atletas e alertá-los para focar no futuro.

Sem querer ou não, os pais e técnicos criaram um ambiente pela qual os atletas se auto motivavam, e treinavam e competiam sem precisar se preocupar e outras pessoas que não fossem eles mesmos.

 

Conclusão

Se ignorarmos por um instante a questão genética e o talento, se tornar um super atleta, de acordo com esta pesquisa, não parece ser tão algo de outro mundo.

É ter a mentalidade correta, uma que saiba como lidar com o fracasso, encontrar prazer e realização no dia a dia, se manter envolvido com suas metas e ter um ambiente que te permita que o atleta tenha a liberdade necessária para focar em algo que é seu.

Estas são as coisas que você pode controlar. E se tem algo que esta pesquisa deixa claro, a forma como você reage às condições que você precisa enfrentar que vai ditar o quão campeão você será.

Gostou desse post? Siga o Raia Oito no Facebook e acompanhe todas as novidades!