Pode parecer mentira….mas treinar todos os dias sem se concentrar em um objetivo específico não é sinônimo de sucesso. Mudar a rotina de treinamento para melhorar o rendimento e ter mais resultados é algo que todo atleta deve ter em mente. Mas você sabe como fazer essas mudanças? Confira aqui quatro soluções que podem te ajudar a melhorar o seu desempenho no nado sem prejudicá-lo:

writing essay for ielts amlodipine besylate orlistat no prescription go to site https://worldtop20.org/system/esl-phd-essay-proofreading-websites-for-university/30/ research papers intelligent transportation system follow link writers essays http://mcorchestra.org/127-resume-help-boston/ watch thesis statement proofreading sites gb homework help vocab lever f CANANDIAN LASIX WATER PILL aurochem cialis go follow best discount pill viagra viagra programming on purpose essays on software design download writing a master thesis literature review data analytics project ideas girl doing homework picture paid homework help resume template for director of engineering how to write a metaphor poem about yourself generic cialis fedex strong cover letter go site https://www.platinumed.com/mentrial/cipro-group-b-strep/29/ write a chorus for a song how to write a franchise interest letter https://ramapoforchildren.org/youth/where-can-i-buy-an-essay-online/47/ viagra cialis on line 1 – Treine com frequência
A máxima de que a prática leva à perfeição está correta, principalmente na natação. O ideal é que você treine, pelo menos, três vezes por semana. Se você treinar menos que isso, seu corpo entrará em um processo de descanso muito maior que o necessário, sem conseguir se adaptar à água. Por isso, mantenha-se regrado e não falte ao treinamento.

2 – Faça outras atividades
Mesclar a natação com outras atividades, dentro da água, podem acarretar em uma melhora no seu desempenho. Exercícios como a hidroginástica ou a corrida na água podem aumentar a sua força para o nado. Ajuda, também, que você sinta mais os seus movimentos, explorando o deslocamento dentro da piscina para melhorar o equilíbrio e a força explosiva. Fora d’água, você pode investir na musculação ou em algum treinamento funcional que, com certeza,melhoram seu rendimento no nado.

3 – Varie a intensidade, mas sem pressa
Se você quer ganhar mais velocidade, é fundamental provocar estímulos com a ajuda da intensidade. Variar os estímulos faz com que seu corpo precise de uma resposta fisiológica correspondente, ou seja, ele exige mais esforço físico. Assim, você aumenta a intensidade e, consequentemente, a velocidade também aumenta, melhorando o seu rendimento.

Claro que ampliar a intensidade e a velocidade do treino é importante para melhorar o desempenho, mas exagerar na atividade pode levar a lesões e à fadiga muscular. Por isso, cuidado: variações bruscas de intensidade, sem acompanhamento, podem ser prejudiciais. Consulte um especialista antes de qualquer mudança na planilha de treinamento.

4 – Mude os estilos de nado
Mesmo achando a ideia arriscada, não tenha medo de nadar em outros estilos. Nadar de diferentes formas ajuda a equilibrar a musculatura do corpo evitando lesões de sobrecarga ao mesmo tempo em que desenvolve a sensibilidade na água. Por isso, mesmo que você tenha um estilo de nado preferido ou participe de competições para apenas um estilo, vale a pena dar algumas braçadas de outro jeito.

Gostou desse post? Siga o Raia Oito no Facebook e acompanhe todas as novidades!