A palavra “dieta” costuma assustar muita gente. Afinal, ninguém gosta de ter que deixar de comer o que gosta, quando gosta e na quantidade que deseja, não é?

“Eu não preciso emagrecer”; “eu não quero emagrecer”; “eu já me alimento bem” “não sou atleta profissional, não preciso disso” são algumas frases que ouvimos bastante. Tenho certeza que você já falou ou pensou isso alguma vez na sua vida.

Primeiro ponto importante é que “dieta” não é necessariamente um sinônimo de emagrecimento. Segundo que você até pode se alimentar bem, mas será que você se alimenta da forma correta, nas quantidades corretas, atendendo as suas necessidades específicas?

Resolvi ir para um nutricionista quando percebi que não estava dando conta da minha rotina de treinos, estudos e trabalho. Sentia fome em diversos momentos do dia, além de muito cansaço. E por ter sido atleta na adolescência, já sabia da importância de se alimentar bem.

Quando recebi minha primeira dieta reparei que no geral não haviam grandes mudanças no que eu estava acostumado a comer. Eu já me alimentava razoavelmente bem (sim, eu também era um que pensava isso), mas eu errava na quantidade e quando deveria comer. E isso faz toda a diferença.

É importante deixar claro para o seu nutricionista qual é seu objetivo, qual é sua rotina, sua disponibilidade para preparar suas refeições e principalmente, quanto está disposto a gastar além do que já está acostumado. Ele sempre vai sugerir os melhores alimentos, pois te darão o melhor resultado. Mas se isso extrapolar seu orçamento, ou se você não tiver muito tempo para preparar refeições (como era meu caso), você vai acabar largando a dieta.  Sempre existem alternativas mais em conta, mesmo que os resultados demorem um pouco mais para aparecer. Por isso, alinhar expectativas é muito importante.

Mas então, por que é necessário ter um acompanhamento de um profissional?  Para responder esta pergunta, convidei o nutricionista José Balestrin, formado em Nutrição pela FMU e Pós Graduando em fisiologia do Exercício – CEFIT. É também  Nutricionista do centro de excelência em natação da FAP, Ibirapuera – SP, terapeuta em florais de Bach e o mais importante, nadador federado pelo Club Esperia – SP desde 2001.

Manda bala Zé!

“Nosso organismo foi desenvolvido para movimentar-se, e a pratica esportiva traz inúmeros benefícios à saúde. Entretanto, é necessário oferecer as condições nutricionais adequadas para o bom funcionamento do nosso corpo, caso contrário, a atividade física pode trazer uma série de malefícios. Ao iniciar uma atividade física, logo nos deparamos com uma nova realidade metabólica, o que significa um aumento na produção de alguns hormônios, no consumo de energia e necessidade de maior ingestão de vitaminas e minerais.

Muitas pessoas acreditam que não possuem maus hábitos alimentares, e que ter longos períodos em jejum, fazer refeições pobres em nutrientes e ingerir pouco líquido são hábitos normais. Um organismo sedentário, na maioria das vezes, consegue se adaptar aos maus hábitos alimentares sem graves consequências imediatas. Ele até pode aguentar o estresse relacionado a má alimentação sem graves consequências imediatas, porém, ao começar a pratica de um esporte, o corpo terá novas necessidades de nutrientes, micronutrientes (vitaminas e minerais) e líquidos, fazendo com que a dieta atual não seja mais suficiente.   

Os efeitos da má alimentação ficam muito evidentes, como por exemplo dores musculares excessivas, cansaço extremo e maiores probabilidades de lesão. 

Portanto alimentar-se adequadamente é mais do que uma questão de estética ou de performance, é acima de tudo, uma questão de saúde. Um organismo relativamente jovem pode até se adaptar ao descaso de seu dono, mas um dia a conta chegará na forma de complexos males como doenças e indisposição físico-mental.

O trabalho da nutrição visa a promoção de saúde, dando as condições necessárias para que o organismo trabalhe em harmonia com o tipo de treino praticado. Ambos em equilíbrio elevam a qualidade de vida do atleta!”

 

Gostou desse post? Siga o Raia Oito no Facebook e acompanhe todas as novidades!