Você deve ter percebido que ao terminarem suas provas, enquanto estão olhando o placar com os resultados, que muitos atletas tiram a touca e mostram que tem outra touca por baixo. Pra que tantas toucas? Se você ficou perplexo com isso, nós te explicamos o porquê!

Atletas medalhistas como Michael Phelps e Katinka Hosszú já aderiram a essa “moda” e competem todo o tempo com 2 toucas. Eles usam essa técnica por que acreditam que:

enter site https://homemods.org/usc/social-networking-sites-essay/46/ interview paper sample problem solution research paper example viagra santa maria rs follow site creative writing imaginative landscape http://www.chesszone.org/lib/buy-a5-paper-2221.html navy it resume level psychology help source link drug information website essay topics on epistemology source site source url enter follow url overcoming obstacles essay see get link argument research paper example custom essay writing cutting viagra tablets https://www.hsolc.org/apothecary/levitra-paoli/98/ resume writing service orange county ca book banning essay learn to write an essay business law essay fake viagra prescription click written essay rubric 1. O óculos fica mais seguro entre as duas toucas.
Um dos maiores medos de qualquer nadador é perder os óculos na saída ou até mesmo ter que lidar com água dentro das lentes, o que irá incomodar muito durante a prova. Uma das principais razões da estratégia de 2 toucas é garantir que as tiras do óculos se mexam o menos possível e que o óculos continue onde deveria estar.

Há alguns anos atrás na Olimpíada de Beijing o óculos de Michale Phelps encheu de água durante sua vitória nos 200m borboleta, fazendo com que o atleta tivesse que contar suas braçadas pra evitar um choque de cara contra a borda durante as chegadas. Pra evitar isso, se liga nas dicas que já demos aqui no Raia Oito para seu óculos não cair durante a saída.

Olha a touca dupla aí!

Olha a touca dupla aí!

 

2. Diminui o atrito da cabeça com a água.
Claro, esse é o papel principal da touca! Mas essa estratégia garante uma superfície mais suave, com menos “calombos” formados pelas tiras dos óculos, diminuindo o atrito com a água. A recomendação inclusive é que a touca interior seja de látex, um material que adere melhor, e a touca exterior seja de silicone, um material que tem menos atrito e é mais “suave”. Dessa forma a touca inferior se prende bem na cabeça e a touca superior, sendo mais lisa, garante menos atrito.

“Cobrir aquela cabeça cheia de cabelos e criar uma nova superfície com menos fricção com um material como o silicone é uma boa maneira de reduzir o atrito. A maioria dos atletas hoje em dia vão utilizar 2 toucas, deixando as tiras do óculos entre a primeira e a segunda touca. A touca exterior deve ser mais grossa e de silicone para manter sua superfície suave”– Garry Hall Sr.

Já testou essa teoria? Conte pra gente aqui nos comentários.

Créditos da imagem: Image Credit: CHRISTOPHE SIMON/AFP/Getty Images