O flutuador é um dos principais equipamentos para nadadores de todos os níveis que buscam melhorar a técnica de braçada e também fortalecer a parte superior do corpo. Nesse post vamos dar algumas dicas pra você utilizar esse equipamento da melhor maneira e tirar o máximo de proveito de suas séries de braço.

Começamos pelo básico, nesse vídeo da Speedo você pode ver o uso de um flutuador na prática.

no homework sign why am i applying for this scholarship essay best resume writing service for it professionals follow link reaearch paper source url https://tffa.org/businessplan/thesis-mapua/70/ viagra precription online viagra et cialis insieme http://www.trinitypr.edu/admission/online-essay-help-chat/53/ tips on writing a good argumentative essay how does viagra affect men efeitos colaterais viagra essay nasil yazilir follow essay on christmas in spain source https://rainierfruit.com/buy-levitra-super-force-online/ essays on julius caesar how to get depressed https://teleroo.com/pharm/viagra-levitra-and-cialis-what-the-difference/67/ levitra warrenton writing meritorious service medal viagra jovens efeitos term paper outline apa https://scfcs.scf.edu/review/getting-cv-professionally-written/22/ https://thembl.org/masters/essay-competition-2018-year-12/60/ writing custom comparator java argumentative essay writer follow site https://www.carrollkennelclub.org/phrasing/ielts-academic-practice-papers/6/ follow Algumas dicas importantes:

  • A boia deve ficar preferencialmente posicionada entre suas coxas, se você utilizar ela mais perto do joelho ou nas canelas vai perceber que ela vai se soltar muito facilmente e que você perderá seu ponto de equilíbrio na água. Esse posicionamento de flutuador mais perto dos pés pode ser utilizado como parte de algum exercício de equilíbrio ou fortalecimento, mas não é o mais comum.
  • Se seu flutuador tiver um lado mais “grosso”que o outro, o lado mais fino deve ficar sempre apontado para o fundo da piscina, isso vai ajudar a balancear a flutuação do equipamento.
  • Tente não bater a perna enquanto usa o flutuador, isso só vai dificultar o seu exercício fazendo com que o flutuador se solte.
  • O uso de palmares pode também ajudar no desenvolvimento da sua técnica de braço e pode ser somado aos exercícios com flutuador.

Se você já dominou essas dicas, vale a pena investir um tempo na prática de alguns exercícios com flutuador durante o treino. Não é necessário exagerar fazendo todo o treino com flutuadores, mas uma pequena série de braço com auxílio de flutuador antes de iniciar a série principal do treino pode te ajudar a fortalecer também o seu “core” a parte central do tórax e abdômen que conecta a parte superior e inferior do corpo durante o nado.

Apesar de poder ser utilizado para todos os estilos, o mais comum é que seja utilizado nos nados de Crawl e Costas, podendo ser utilizado em metragens diversas (Curtas e longas) e também de variadas intensidades. Com seu uso correto o atleta também pode se focar em sua técnica de respiração e também no seu posicionamento da cabeça durante o nado.

Pontos de atenção:

  • A utilização contínua do flutuador pode causar problemas na sua técnica de nado – Já foi relatado por técnicos ou atletas que passaram longos períodos utilizando o flutuador por alguma lesão na área das pernas, que após voltarem a nadar sem o equipamento a técnica de nado foi afetada, tendo que ser corrigida novamente para se adaptar ao nado completo.
  • O uso excessivo pode colocar pressão demais nos ombros e causar uma lesão – Apesar de ser importante desenvolver a parte superior do torso, o excesso pode acabar forçando demais ligamentos e músculos do ombro e causar uma lesão, por isso sempre faça o uso moderado do equipamento.

Ou seja, o uso consciente e balanceado desse equipamento pode trazer inúmeros benefícios, mas o uso excessivo pode trazer mais males do que benefícios e por isso deve ser evitado. E você, como gosta de usar o flutuador?