Sem sombra de dúvidas, o nado costas é o nado mais peculiar da natação. É o único em que a posição do corpo na água muda, a orientação na raia passa a ter referência no teto da piscina (ou no céu) e a virada olímpica também é diferente. Resumindo, é tudo uma grande confusão para aqueles que não estão acostumados a nadar o estilo.

Abaixo, trazemos um plano de treinamento traduzido do site pelo blog norte-americano Arena Water Instinct para aperfeiçoar o estilo:

300 metros de aquecimento livre

200 metros – 25 nado costas e 25 nado peito

8×25, sendo:
2×25 movimento apenas um braço, com o outro parado ao lado do corpo.

2×25 perna de costas com os braços parados ao lado do corpo, treinando o movimento de rolamento

2×25 com um braço estendido para o alto – movimente a braçada alternadamente, tocando sua mão ao final de cada braçada completa.

2×25 com um braço estendi ao lado do corpo e outro fazendo a movimentação completa da braçada alternadamente.

5×50 de costas

8×50 crawl

100 solto

Lembre-se que, antes do treino, é aconselhado que se faça uma rotina de aquecimento e alongamentos. Veja aqui alguns exercícios.

Link para o texto original. 

Gostou desse post? Siga o Raia Oito no Facebook e acompanhe todas as novidades!