Quase nenhum nadador está livre de um incômodo no ombro ou na região das escápulas de vez em quando. Ele pode aparecer durante e após um treino de natação, na academia ou até mesmo em atividades cotidianas. Independente do problema diagnosticado, o que é importante saber é que o ombro é um dos membros mais afetados para quem prática natação.

E por que de tudo isso? Para Karina Camocardi, professora e proprietária do estúdio de Pilates cheapest branded cialis see criterion essay phd thesis topics in mass communication buy cytotec online no prescription informative essay thesis outline essay writing for college admissions source link https://rainierfruit.com/cheap-viagra-london/ online dissertation writing group viagra latvia website to check your paper for plagiarism free uniform argument essays enter https://www.myrml.org/outreach/best-essay-editing-website/42/ comprare cialis generico italia levitra frankenmuth http://wnpv1440.com/teacher/dissertation-definition-business/33/ can someone write my essay for me describe your dream job essay https://scfcs.scf.edu/review/how-to-write-references-in-research/22/ buy viagra in italy follow follow site problem solving based learningВ les reaction du viagra what to use if viagra doesn't work unforgettable incident essay https://ncappa.org/term/my-first-experience-in-school-essay/4/ rx pharmacy generic viagra a sample problem solution essay does weed help you focus on homework K-mais, na zona sul de São Paulo, na natação, geralmente os movimentos realizados são assimétricos e repetitivos. “Isso gera um desequilíbrio da musculatura corporal e postural, principalmente em atletas”, explica.

Por isso, no texto de hoje, o Raia Oito explica porque fortalecer as escápulas é essencial para não ter maiores problemas nos ombros e diminuir o risco de lesões futuras.

O que são as escápulas?

A escápula é um osso achatado e triangular, localizado na parte superior das costas, que tem a função de estabilizar e auxiliar a movimentação dos ombros. A articulação da escápula com o ombro permite a mobilização dos braços e é composta por um conjunto de músculos e tendões, chamado de manguito rotador.

“As escápulas tem um papel importante para atletas de natação, já que são ossos recobertos de músculos, com dupla função de estabilizar e criar mobilidade dos ombros”, aponta Karina. “Por isso o fortalecimento e a mobilidade escapular ajudam para o bom desenvolvimento de todos os músculos costais e ombros, evitando assim as lesões”, complementa.

Fortalecimento

De acordo com a profissional, exercícios para escápula ajudam no controle e precisão do movimento, evitando dores, inflamações e até mesmo lesões na cervical, ombros e articulações dos cotovelos e punhos, melhorando também sua postura, tensões e até mesmo dores de cabeça.

No vídeo acima, você pode ver a execução de dois exercícios simples, dentre diversas possibilidades, para o fortalecimento das escápulas.

Na tela a esquerda, a personal trainer e atleta de natação master Marien Arndt executa o exercício de Retração e Protração das escápulas. Em posição de prancha em uma superfície reta, contraia a escápula. Em seguida, faça o movimento de protação, ou seja, o sentido contrário, da retração.

Na tela a direita, a fundadora do Raia Oito e também atleta de natação Master, Talitha Adde, realiza a Elevação e Depressão das escápulas. Em pé, com a coluna ereta, mantenha o olhar fixo à frente, pés paralelos, seguindo a largura dos quadris e com os braços elevados com um elástico, inspire e vá soltando o ar, crescendo em direção ao teto, com se existisse um fio, puxando-o para cima.

Se interessou pelo assunto? A sócia do estúdio K-mais deixa uma última dica:  “No Pilates podemos trabalhar o fortalecimento do serrátil, rombóides, trapézio, deltóide posterior, peitoral maior entre outros, gerando uma maior  mobilidade, melhorando o alongamento  e o deslize da  fáscia muscular – que envolve seu corpo inteiro”.

E aí, gostou dessas dicas para prevenir lesão ombros? Acompanhe o blog de natação do Raia Oito para mais conteúdos como esse e siga a gente no Instagram.

Clique nos links abaixo para saber mais sobre o assunto: